Sunday, January 15, 2006

Intervenção em Conselho Nacional da JSD

Exma. Sra. Presidente e restantes elementos da Mesa do Congresso,
Exmos. Membros do Conselho de Jurisdição Nacional,
Caros Companheiros de Comissão Política Nacional,
Exmos. Conselheiros Nacionais,
Exmas. Colaboradoras do Secretariado Nacional,

Apesar da decisão de apoiarmos a candidatura do Professor Cavaco Silva à Presidência da República ser esperada e óbvia tendo em conta a nossa História e Ideário Social Democrata, hoje não deixa de ser um dia histórico na vida da JSD. Não é todos os dias que a maior estrutura Juvenil em Portugal decide apoiar um Candidato à Presidência da República... Mas porquê Cavaco? Quem teve a oportunidade de ouvir a apresentação do manifesto facilmente compreende as nossas motivações.

O Professor Cavaco Silva é um Social Democrata que pretende dignificar a imagem institucional do Presidente da República. A sua visão humanista leva a que defenda o modelo social preconizado pelo nosso fundador Francisco Sá Carneiro. Acrescenta-se a isto o facto do Professor estar hoje melhor preparado para exercer as funções de PR do que se encontrava preparado para ser Primeiro-Ministro... e a história diz-nos que foi, de todos, o melhor Primeiro Ministro Português. Ponto.

Mas afinal, que modelo é esse – o Modelo Social Democrata? O Professor, ainda na apresentação do seu manifesto definiu-o, demonstrando que mais do que economicista ele é um humanista, afirmando que “o desenvolvimento só é económico para que possa ser social”. Isto é, a economia é um meio e não um fim em sim mesmo.
O nosso candidato acredita, ainda no espírito do referido modelo social, na igualdade de oportunidades, como um sonho ou utopia que pretendemos alcançar.
Acredita na equidade, assente no mérito e na competência.
Acredita que é papel do Estado preocupar-se por e apoiar quem não tem voz, que vivem limitados ou com deficiências.
Acredita na iniciativa e empreendedorismo oriundos da sociedade civil.
No fundo, tal como Sá Carneiro, defendeu que toda a acção política deve centrar-se na Pessoa Humana.

O Professor Cavaco Silva apresentou ainda ideias concretas e soluções objectivas para os vários sectores da governação Portuguesa. Garantiu vir a ser um colaborador do Governo, sem ser governante e sem ter capacidade executiva. Mas tendo as ideias claras como as apresentou, fica-se com a certeza de que fará questão de estabelecer prioridades na agenda política nacional – recentrando, sempre que necessário, a discussão no que interessa para o futuro do País.

As ideias apresentadas revelam grande ambição em promover o desenvolvimento que assegure um futuro sustentável, assente na força motriz dos jovens cidadãos Portugueses. Se com todos os outros argumentos qualquer Social Democrata deveria apoiar o Professor Cavaco Silva, então esta visão deve assegurar o apoio inequívoco dos Jovens Portugueses. A JSD só tem, portanto, um caminho – o de apoiar o Professor Cavaco Silva à Presidência da República.

Aproveitemos também este momento para, enquanto militantes da JSD, assumirmos uma postura humilde e de aprendizagem e procurarmos enriquecer a nossa postura na política com base nos ensinamentos do Professor.
Cavaco Silva não se resignou perante a situação grave que o País atravessa...
E nós JSD?

Desde há alguns anos, a JSD tem vivido a fase mais negra da sua história sendo incapaz de demonstrar o peso político de outros tempos. A nossa estrutura deixou de ser chamada a ter um papel activo na definição das políticas de Juventude, afastando-se cada vez mais dos centros de decisão e, consequentemente, perdendo influência e credibilidade junto dos Jovens Portugueses.

Há quem esteja à espera que assim se mantenha o Status Quo – aguardando que chegue a sua hora de glória de assumir funções de chefia na estrutura... mas quem tanto esperar arrisca-se a encontrar glória no vazio – numa estrutura fantasma, um mero apêndice do PSD.

Não podemos cruzar os braços – Eu não me resigno!

Vós, Conselheiros Nacionais, eleitos em Congresso não se podem resignar. Colaborem, discutam, critiquem, mas não se resignem.

Todos devemos encontrar e executar a nossa missão afim de dignificarmos o bom-nome e acção da JSD. Nós no Gabinete de Estudos Nacional continuaremos com o nosso trabalho, mas todos devem contribuir.
Isto porque, se estamos aqui neste dia, é porque decidimos que a melhor forma de servimos o nosso País é através da JSD e do PSD.

Li há dias uma citação que afirmava que: “A maior generosidade que podemos ter para com o futuro é sermos capazes de dar tudo de nós ao presente”.
Apelo ao vosso espírito de militância e amor por este País para fazermos isso mesmo... não nos resignarmos e darmos tudo ao presente para que a JSD volte a ter a força e energia contagiante a que nos habituou para juntos puxarmos por um PORTUGAL MAIOR!


Conselho Nacional da Juventude Social Democrata
Hotel Tivoli – Av. Liberdade, Lisboa
28 de Outubro de 2005

6 Comments:

Anonymous Maria Fernanda Azoia said...

Caro Ricardo,

em primeiro lugar, retribuo os votos de um óptimo ano novo, recheado de sucessos e muita alegria e agradeço o facto de teres voltado a dar vida a este blog. Por isso também, aqui ficam os meus parabéns.
Ao ler o que agora trouxeste ao lume deste blog, fiz algumas reflexões, que gostaria de deixar aqui, pese embora as considere um pouco extemporâneas, visto que estas questões foram, ou deveriam ter sido, discutidas em Conselho Nacional.
Quanto à questão da candidatura de Cavaco Silva à Presidência da República, como não poderia deixar de ser - acho, enquanto social-democrata -, apoio esta candidatua e espero que o próximo dia 22 seja o início de um Portugal Maior. Desta vez, estas eleições têm um sabor especial: votar no estrangeiro é uma novidade para mim e oferece um misto de emoções muito boas relativamente ao nosso país.
Mas como estava a dizer, espero também que seja o início de um Portugal Maior, movido pela juventude e com um digno e muito prestável contributo da JSD. E isto leva-me à outra questão que quero aqui abordar.
Para que a JSD dê um contributo que se veja para o crescimento do nosso país, em primeiro lugar, TEM DE O QUERER dar! A JSD TEM DE QUERER ser a força motriz na qual o prof. Cavaco Silva quer assentar o desenvolvimento de um futuro sustentável. É óbvio que, atravessando a JSD o estado que se lhe conhece e que tu aqui apresentas, não pode sequer QUERER SER qualquer força motriz ou QUERER DAR qualquer contributo válido, quanto mais ansiar por sê-lo ou dá-lo efectivamente. Sugiro a releitura deste teu parágrafo «A nossa estrutura deixou de ser chamada a ter um papel activo na definição das políticas de Juventude (...) junto dos Jovens Portugueses.» Penso, sinceramente, que se isto acontece hoje em dia, a culpa é nossa, é dos militantes e será também, provavelmente, ou sobretudo, culpa dos dirigentes da nossa Juventude Partidária. Culpa, da forma como é possível que se tornem dirigentes, culpa de tudo o que o sistema, que se quer democrático e justo, permite fazer para se ser eleito dirigente na estrutura da JSD, culpa das «Vodka Laranja» que grassam por aí (aqui?), culpa dos «sacos de 'militantes'/votos» que cada um carrega consigo, culpa dos que esperam «que assim se mantenha o Status Quo – aguardando que chegue a sua hora de glória de assumir funções de chefia na estrutura». Mas, a culpa é, principalmente, dos que indiquei em primeiro lugar: a culpa é nossa, é de todos os militantes, dos que têm e dos que não têm "espírito de militância". A culpa é nossa porque permitimos que a JSD tenha chegado a este estado de sítio e que assim se mantenha! Urge apelar ao "espírito de militância" que ainda resta em cada um de nós. Urge que cada um faça esse apelo a si mesmo para dar de novo à JSD a vida, importância, dignidade que ela já teve. Há que fazer jus à história da JSD. Há que deixar de trocar meras palavras, de discutir em circuitos fechados e passar a atitudes práticas, a concretizar o que se apregoa na infindáveis palavras que todos vamos deitando ao vento. Ainda quanto à culpa, a minha é talvez redobrada, porque, por ora, apenas posso contribuir com palavras, que muitas vezes soarão a mera retórica inconclusiva.

Cumprimentos,
Fernanda
(Same, Timor-Leste)

3:53 AM  
Anonymous Anonymous said...

Bem, não querendo chegar ao grau de dignidade do post anterior, vejo que andamos em inspiradas discursatas.

By the way, até o hotel e morada?! Faltou a sala ou suite!!!
Pois eu não revelo a localização!
:)

10:07 AM  
Blogger Manolito Gafotas said...

Olá xotor, passei aqui pelo teu blog para ver sobre que assuntos dissertas.
Espero que a nossa amizade n possa ser posta em causa pelo facto de eu ser um soldado mujadin ;)
Mais a sério, acho positivo que as pessoas que partilham um ideal e valores se juntem e se filiem em associações, seitas, partidos, grupos e o diabo a sete. Mas atenção que por vezes a ideologia turva-nos a razão e faz-nos sua refém.
Parabéns pelo blog e continuarei a visita-lo para ver sobre que assuntos tratas :)Mas gostei mais do teor dos teus posts em q abraças temáticas mais gerais em que fazes reflexões sobre o que é para ti a política e sobre as tuas ideias, do que propriamente os posts sobre o aparelho da JSD.
Mas percebo que isto é um blog sobre o futuro da JSD, não tanto sobre o futuro político do nosso país.
Um abraço xotor!

5:33 PM  
Anonymous Anonymous said...

Dr.,

já botavas aqui mais novidades! ;-)

Prof.

1:55 PM  
Blogger TiAnibal said...

O mal da JSD e todas as juventudes politicas é o fanatismo que vivem. Os notáveis dizem é assim e é assim, épa eu proprio sou da JSD e digo mesmo não é assim. Aqui na Santa Quarteira onde a luta PSD/Loulé com PSD/Quarteira é uma coisa fora do normal, eu decido por mim E pelo PSD/Loulé sou mal visto, porque questionei a opinião de um notável, o espirito de carneirada é que suporta muitas das tretas que eles dizem, num grupo de dez um não vai na conversa é logo esquartejado. É engraçado como muitos fazem andar ai a lember botas, eu digo mesmo vim a este fórum por mero acaso e fazem ali o homem de boliqueime um deus, cinco vezes vejo eu o nome Cavaco Silva, agora o verdade PSD FRancisco Sá Carneiro lá aparece, fiquei contente.

Mas sem duvida um blog muito bom, muito atractivo, espero que tenha um bom futuro.

1:26 AM  
Anonymous Anonymous said...

Enjoyed a lot! video editing programs

11:36 AM  

Post a Comment

<< Home